Aquicultura


Os Microorganismos Benéficos podem fazer muito mais do que bons vinhos e queijos, eles também podem ajudar nos sistemas produtivos da aqüicultura.

A Tecnologia EM™ é sumamente econômica, segura, fácil de usar, de alta qualidade, e produz resultados sustentáveis. Permite melhorar de forma significativa o entorno da produção, e a incrementar os parâmetros de competitividade associados à produtividade, sobrevivência, saúde e qualidade da produção. Além disso, é totalmente adaptável ás condições existentes nos atuais sistemas de produção.
 
Veja a seguir como usar o EM•1® e os benefícios que lhe pode brindar.

O Plano de Uso da Tecnologia EM™ na Aqüicultura contempla 4 etapas objetivas:

•    Aplicação do EM-Bokashi no fundo dos tanques como fonte de matéria orgânica e complementando com metabolitos derivados do processo de fermentação anaeróbico do Bokashi. Este produto está direcionado ao incremento de matéria orgânica e revitalização dos tanques.
•    Preparação do fundo do tanque com a adição de microorganismos aeróbicos e anaeróbicos benéficos para supressão dos microorganismos patógenos.
•    Estabelecimento dos microorganismos benéficos no sistema através da adição na coluna de água.
•    Desenvolvimento da capacidade imunológica da produção.

Preparação e aplicação do EM-Bokashi

Enchimento e preparação prévia dos tanques

Adição do EM•1®-Ativado aos sistemas de produção

Núcleo de Alimento EM- Fermentação da ração

 

 

Preparação e aplicação do EM-Bokashi

Para a preparação do EM-Bokashi, use os seguintes ingredientes:

-53% de Farelo de Arroz
-30% de Farelo de Soja
-17% de EM•1®-Ativado


• Realize os seguintes procedimentos:

-Distribua o material selecionado sobre uma superfície compactada limpa, de preferência sobre uma lona plástica ou piso de cimento;
-Pulverize o EM•1®-Ativado sobre todo o material, misturando bem para homogeneizar. Se a água usada na pulverização não for suficiente, agregue mais água ao material para obter uma umidade final entre 30 a 35%.
-Coloque o material em uma bolsa plástica ou recipiente que possa manter as condições totalmente herméticas. Se pode usar bombonas plásticas de 200 L com tampa removível.
-Faça a extração do ar do interior da bolsa plástica ou recipiente, já seja por meio de pressão manual ou com um aspirador. Feche muito bem para evitar a entrada de ar.
-Coloque as bolsas plásticas ou recipientes em local fresco e ao abrigo da luz, e deixe fermentar naturalmente entre 7 a 10 dias. Durante este período, faça o controle da temperatura, para que a mesma não ultrapasse mais de 35ºC. Se a temperatura ultrapassar este limite, volte a misturar o material.
-Depois deste período, o Bokashi deverá apresentar um cheiro agridoce agradável, lembrando um licor. Neste momento, o Bokashi está pronto para ser usado.
-Se o Bokashi não apresentar cheiro agradável, isso significa que houve contaminação, e o material deverá ser descartado.

Modo de usar e considerções


•    Em média se usa 500 Kg de EM-Bokashi por Hectare por ciclo, dependendo do estado dos fundos dos tanques.
•    O EM-Bokashi deverá ser distribuído uniformemente no fundo do tanque pelos menos uma semana antes de começar o processo de enchimento.
•    O fundo do tanque deverá ser umedecido antes da aplicação do EM-Bokashi.

Voltar ao Topo

 

Enchimento e preparação prévia dos tanques

Modo de usar e considerações


•    Durante o processo de enchimento dos tanques, estimado em 5 dias, se realiza uma aplicação diária de 150 L de EM•1®-Ativado por Hectare, desde o dia em que se inicia o enchimento do tanque, onde deverá ser obtido um total de 750 L de EM•1®-Ativado por Hectare.
•    O EM•1-Ativado deverá ser diluído uniformemente no total da água utilizada para completar o enchimento do tanque.
•    É recomendável que o EM•1® seja ativado próximo aos tanques para facilitar a operação.

Voltar ao Topo

 

Adição do EM•1®-Ativado aos sistemas de produção

Modo de usar e considerações


•    Contando a partir do inicio do 1º dia de produção até o 120º dia, se realiza um processo diário de aplicação de EM•1®-Ativado na dosagem de 100 L por dia por Hectare.
•    O EM•1®-Ativado deverá ser uniformemente diluído na entrada do sistema, e os tanques de ativação deverão estar próximos ao tanque para facilitar a aplicação, que poderá ser realizada por um dosador automático.

Voltar ao Topo

 

Núcleo de Alimento EM- Fermentação da ração


A fermentação de parte da ração está orientada ao enriquecimento microbiológico do trato digestivo, melhorando a digestibilidade, a conversão alimentar e o aumento na capacidade imunológica.
Igualmente, desde o 1º dia de produção até o 120º se incorpora à alimentação, uma parte da ração fermentada com EM•1®-Ativado. Esta ração fermentada, não deverá exceder a 5% do total fornecido de ração diariamente.

Modo de usar e considerações


•    Para a fermentação da ração use a dosagem de 1 L de EM•1®-Ativado para cada 10 Kg de ração ou concentrado, e realize os mesmos procedimentos descritos para a preparação do EM-Bokashi.
•    Use diariamente 5% de ração fermentada no total da ração fornecida.
•    Apenas misture bem a ração fermentada à ração normal.


CONSIDERAÇÕES SOBRE A METODOLOGIA


•    Para a ativação do EM•1® se requer montar na unidade, tanques com capacidades específicas para a apropriada fermentação do EM•1®, os quais garantirão os volumes necessários a serem programados.
•    Estes tanques de fermentação são simples e podem ser de plástico ou fibra de vidro.
•    ESTE PLANO DE USO NÃO CONTEMPLA IMPLEMENTAÇÕES PARCIAIS, e seu êxito dependente altamente da capacidade de execução. Para isso, pelo menos um técnico deverá ser capacitado e estar apto a fazer o devido acompanhamento das Atividades.

Benefícios


•    Melhora significativamente a qualidade da água como turbidez, oxigénio disponível e pH.

•    Reduz eficazmente os custos de produção.

•    Realiza naturalmente o tratamento da água e reduz eficazmente a concentração de coliformes.

•    Reduz eficientemente a produção de gases nocivos como amoníaco, hidrogênio sulfídrico, e o metano.

•    Reduz significativamente o lodo sedimentado.

•    Reduz a presença de microorganismos patógenos na água e no solo, e melhora o sistema imunológico, reduzindo a incidência de doenças como a Mancha Branca.

•    Reduz a necessidade de uso de produtos químicos, como antibióticos e cal.

•    Ajuda a diminuir os índices de mortalidade, aumenta o rendimento e a densidade de cultivo.

•    Com o melhoramento da flora intestinal, aumenta a conversão alimentar e diminui o tempo de produção.

•    Permite uma produção mais saudável, limpa e sem impactos ambientais.

Voltar ao Topo

 

A Tecnologia EM™ é sumamente econômica, segura, fácil de usar, de alta qualidade e produz resultados sustentáveis no controle de maus odores, na higienização, no manejo dos resíduos, na redução de custos e no aumento da produtividade das distintas atividades produtivas.

Para maiores informações entre em contato com um dos nossos representantes.

Espanol | Portugues | English